Campeche se mobiliza pelo Rio do Noca

Campeche se mobiliza pelo Rio do Noca

Implementado na Espanha, França e Portugal há mais de uma década, o Projeto Rios é baseado no envolvimento voluntário da sociedade no diagnóstico, recuperação, preservação e fiscalização de trechos dos rios.

Para atingir os objetivos do projeto em Santa Catarina pretende-se envolver comunidades e grupos organizados na luta pela preservação dos rios. A ideia é alcançar resultados expressivos na fiscalização e na recuperação dos rios, com a despoluição e retomada das condições naturais do manancial hídrico.

Cada comunidade pode organizar atividades como visitas aos rios para coleta de amostras e avaliação das ameaças, formação de monitores, ações de limpeza e conservação, conscientização de crianças e jovens, entre outras propostas de atuação em favor do rio.

Campeche se mobiliza pelo Rio do Noca

A AMOCAM e o Movimento SOS Campeche Praia Limpa são parceiros desse projeto, adotando, primeiramente o Rio do Noca.

No último sábado (25) aconteceu a primeira ação do Projeto Rios em Florianópolis, na praia do Campeche.

A comunidade escolheu o Rio do Noca para a atividade, que envolveu a Associação dos Moradores do Campeche (Amocam), o Movimento SOS Campeche, ambientalistas e moradores, além de representantes dos organizadores do Projeto, CNBB Sul 4, Cártias Brasileira, Ação Social Arquidiciocesana (ASA) e do Fórum para Preservação do Aquífero Guarani, que é presidido pelo deputado.

O Comitê da Bacia Hidrográfica Tijucas/Biguaçu também participa das atividades, com capacitações e apoio técnico nas análises que precisam ser feitas nos rios.

O projeto, que foi lançado na última quinta-feira (23), na Assembleia Legislativa, instrumentaliza comunidades para, a partir de um método simples, "adotar" um rio ou córrego e garantir sua fiscalização, recuperação e preservação.

Fotos: Antonio Carlos Mafalda

Redação DuCampeche

Campeche se mobiliza pelo Rio do NocaCampeche se mobiliza pelo Rio do NocaCampeche se mobiliza pelo Rio do NocaCampeche se mobiliza pelo Rio do Noca