A importância da iluminação correta

A luz influencia diretamente no humor do ser humano podendo deixá-lo mais agitado ou mais tranquilo. Veja aqui algumas dicas importantes na hora de escolher a lâmpada correta para o seu ambiente.

A escolha da lâmpada é tão importante quanto a escolha da luminária. Os ambientes podem ser transformados instantaneamente quando usamos a luz correta.

Atualmente existem diversos tipos de lâmpadas no mercado e até mesmo aquela lâmpada fluorescente mais comum pode ser uma ótima opção se for escolhida da maneira certa. O mais importante sobre as lâmpadas é que elas possuem diferentes temperaturas de cor e essas temperaturas podem proporcionar um grande conforto visual ou um desconforto quando mal escolhidas.

Para os quartos e salas precisamos criar um clima que estimule o relaxamento e acolhimento, por isso é melhor evitar aquela luz branca ou ''fria''. Se você quer um efeito mais aconchegante em casa utilizando uma lâmpada econômica, uma boa alternativa é substituir a lâmpada fluorescente branca por uma fluorescente mais amarelada ou a lâmpada de LED com efeito incandescente. O LED, apesar de ter um valor mais alto, tem a maior durabilidade do mercado e pode reduzir em até 90% o consumo de energia elétrica, além de ser a que menos agride o meio ambiente.

No caso das cozinhas, banheiros e escritórios a luz branca ou ''fria'' se encaixa muito bem. Ela é própria para estes locais de trabalho, além de causar uma sensação de limpeza ela é muito estimulante e nos deixa mais agitados.

São pequenos detalhes assim, como uma lâmpada, que pode fazer toda a diferença!

Uma dica importante: Quanto mais próximo de 3.000K a cor tenderá para o amarelo. Mais próximo de 8.000K será  mais para o branco. Por isso é sempre importante observar a especificação do fabricante na hora da compra.

(K=Kelvin é o nome da unidade de base para a grandeza de temperatura termodinâmica)

Veja na imagem abaixo exemplos de lâmpadas fluorescentes compactas com efeito ''quente'' e ''frio''.

Por Patrícia Nobre